cURSO DE FORMAÇÃO DE VIGILANTE
  1. PERFIL DO VIGILANTE

    1. PREVENTIVO/OSTENSIVO – atributo de o vigilante ser visível ao público em geral, a fim de evitar a ação de delinqüentes, manter a integridade patrimonial e dar segurança às pessoas.
    2. PROATIVIDADE - ação de antever e se antecipar ao evento danoso, com o fim de evitá-lo ou de minimizar seus efeitos e, principalmente, visar à adoção de providências para auxiliar os agentes de segurança pública, como na coleta das primeiras informações e evidências da ocorrência, de preservação dos vestígios e isolamento do local do crime.
    3. RELAÇÕES PÚBLICAS – qualidade de interação com o público, urbanidade, sociabilidade e transmissão de confiança, priorizando o atendimento adequado às pessoas com deficiência.
    4. VIGILÂNCIA – atributo de movimento, dinamismo e alerta, contrapondo-se ao conceito estático.
    5. DIREITOS HUMANOS – respeito à dignidade da pessoa humana, compromisso que o Brasil assumiu perante a comunidade internacional e princípio constitucional de prevalência dos direitos humanos.
    6. TÉCNICO-PROFISSIONAL – capacidade de empregar todas as técnicas, doutrinas e ensinamentos adequados para a consecução de sua missão.
    7. ADESTRAMENTO – atributo relacionado à desenvoltura corporal, com aprimoramento físico, domínio de defesa pessoal e capacitação para o uso proporcional da força através do emprego de tecnologias não-letais e do uso da arma de fogo, como último recurso de defesa própria ou de terceiros.
    8. HIGIDEZ FÍSICA E MENTAL – certeza de não ser possuidor de patologia física ou mental.
    9. PSICOLÓGICO – perfil psicológico adequado ao desempenho do serviço de vigilante.
    10. ESCOLARIDADE – 4ª série (exigência legal).

  2. OBJETIVOS ESPECIFICOS DO VIGILANTE

    1. Compreender o ser humano como titular de direitos fundamentais;
    2. Desenvolver hábitos de sociabilidade no trabalho e no convivio social;
    3. executar uma vigilância dinâmica e alerta, interagindo com o público em geral;
    4. prevenir ocorrências inerentes às suas atribuições, dentro da área física a ele delimitada, a fim de
      manter a integridade patrimonial e de dar segurança às pessoas;
    5. antecipar-se ao evento danoso, a fim de impedir sua ocorrência ou de minimizar seus efeitos,
      principalmente, adotar as providências de auxílio aos agentes de segurança pública, como a coleta das
      primeiras informações e evidências da ocorrência, preservação dos vestígios e provas do crime e
      isolamento do local;
    6. operar com técnica e segurança equipamentos de comunicação, alarmes e outras tecnologias de
      vigilância patrimonial;
    7. manusear e empregar, com segurança, armamento não-letal e armamento letal convencional na
      atividade de vigilante, de forma escalonada e proporcional, como instrumentos de defesa própria ou de
      terceiros;
    8. defender-se com o uso de técnicas adequadas;
    9. manter-se saudável e em forma física;
    10. identificar condutas ilícitas descritas na legislação penal;
    11. identificar o conceito, a legislação e as atribuições das empresas de segurança privada;
    12. aplicar conhecimentos de primeiros socorros
    13. proteger o meio ambiente;
    14. adotar medidas iniciais de prevenção e de combate a incêndios;
    15. tomar as primeiras providências em caso de crise
    16. executar outras tarefas que lhe forem atribuídas, notadamente pela criação de divisões especializadas pela sua empresa, para permitir um crescimento sustentado em todas as áreas de segurança privada

  3. LISTA CURRICULAR
    1. Noções de Segurança Privada
    2. Legislação Aplicada
    3. Direitos Humanos e Relações Humanas no trabalho
    4. Sistema de Segurança Publica e Crime Organizado
    5. Prevenção e Combate a incendios e Primeiro Socorros
    6. Educação Fisica
    7. Defesa Pessoal
    8. Armamento e Tiro
    9. Vigilancia
    10. Radio comunicação e Alarmes
    11. Criminalistica

  4. FREQUENCIA

    submetido à avaliação final o candidato que obtiver freqüência de 90 % (noventa por cento)da carga horária em cada disciplina.

    Será desligado do curso o aluno que ultrapassar o limite de faltas, podendo aproveitar as disciplinas concluídas apenas no curso subseqüente da mesma Escola.